0:00
0:00

Ituporanga será pioneira no Alto Vale na microchipagem gratuita de animais

Participe de nossa COMUNIDADE NO WHATSAPP e receba as principais notícias na palma da sua mão.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatApp.

O município de Ituporanga será pioneiro no Alto Vale na microchipagem gratuita de animais. A ação faz parte Programa de Bem-Estar Animal implantado pelo Governo de Ituporaga por meio do Departamento de Meio Ambiente e nesta primeira etapa vai beneficiar cerca de 1000 cães e gatos.

Para a compra dos chips foram investidos R$ 12.599,20, que vão possibilitar a identificação de animais e que serão vinculados aos tutores, que a partir de então podem ser responsabilizados em casos de abandono, extravio ou maus-tratos.

O microchip, do tamanho de um grão de arroz, guarda dados únicos dos pets e é como se fosse um RG implantado sob a pele do animal. Quando um veterinário ou outro profissional precisam identificar o pet, basta usar um leitor universal.

Além da microchipagem, o Programa de Bem-Estar Animal também vai promover a castração de mais 540 animais entre cães e gatos com até 30 quilos, investindo cerca de R$ 150 mil em recursos próprios. “Inicialmente as castrações atenderão animais de famílias inscritas no CadÚnico, animais atendidos em ocorrências repassadas pela Polícia Civil, de situações críticas apontadas pelas agentes de saúde e animais atendidos pelas ONGs e protetores de animais do município cadastrados na Prefeitura. Todos os animais castrados também já serão microchipados”, ressalta a diretora do Departamento do Meio Ambiente Itamara Machado.

Ela lembra ainda que de fevereiro a junho deste ano o Governo de Ituporanga já realizou um programa de castração e atendeu 99 animais, com o custo de R$ 22 mil também de recursos próprios.
Segundo Itamara o Programa de Bem-estar Animal tem como objetivo principal a diminuição de reprodução descontrolada de cães e gatos e consequente prevenção de maus-tratos, assim como evitar a disseminação de doenças que são as chamadas de zoonoses, a redução de casos de mordidas de cães, atropelamentos em via públicas e abandonos, além de garantir a conscientização da guarda responsável e cuidados adequados.

Através dele, foram realizadas palestras em todas as escolas de Ituporanga, tanto as municipais, quanto estaduais e particulares. “Nessas palestras fizemos a educação sobre o bem-estar e maus-tratos aos animais com turmas de 1º ao 9º ano, visando despertar nas nossas crianças e adolescente a importância desse tema tão pouco abordado na rede de ensino”, afirma Itamara.

As palestras foram realizadas por ela e pela médica veterinária Ieda Holetz para mais de 1.500 alunos em 15 escolas, sendo uma palestra por cada período. “Então tivemos ao todo 30 palestras realizadas de setembro a novembro. Inclusive, temos que agradecer a receptividade dos diretores e professores de todas as escolas por terem aberto as portas, preparado o ambiente e nos dado o apoio necessário”.

Na ação de conscientização as profissionais falaram de condutas que hoje não são mais aceitas e podem ser consideradas maus-tratos como manter animais acorrentados sem a devida atenção e cuidados. Também foram abordados temas de cuidados básicos de saúde incluindo vacinação, controle de parasitas, castração e identificação.
Para o prefeito Gervásio Maciel, com o programa que prevê a educação das crianças, castrações e microchipagem, Ituporanga é pioneira na região em relação aos animais. “Sabemos que esse é um problema de saúde pública então estamos fazendo um investimento histórico, mas é importante que a comunidade também faça sua parte”, finaliza.

Por: Helena Marquardt-Assessora de Comunicação

///////////////////////////////////////// banner aqui /////////////////////////////////////

Deixe um comentário

 

Sugestão de Pauta