0:00
0:00
domingo, 25 de setembro de 2022

Brasil vai receber os Sul-Americanos Adulto de Atletismo e de Cross Country em 2023

Participe do nosso grupo e receba as principais notícias na palma da sua mão.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatApp.

O Brasil vai receber dois Campeonatos Sul-Americanos de Atletismo, em 2023. O Sul-Americano Adulto de Atletismo será realizado no Centro Olímpico, em São Paulo (SP), de 28 a 30 de julho, e o Sul-Americano de Cross Country, na cidade de Poços de Caldas (MG), em 22 de janeiro.

A informação foi confirmada pelo presidente do Conselho de Administração da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), Wlamir Motta Campos, que participa da Assembleia da Federação Sul-Americana nesta segunda-feira, na capital paulista.

A Assembleia é conduzida pelo presidente da Sul-Americana, Hélio Gesta de Melo, e conta com a participação do presidente da World Athletics, Sebastian Coe, que chegou a São Paulo na última sexta-feira e acompanhou o Campeonato Sul-Americano Sub-18, encerrado neste domingo, no Centro Olímpico, em São Paulo. Hélio disse que ficou feliz com a presença de 12 dos 13 presidentes das federações da área e do dirigente máximo do atletismo mundial em São Paulo.

Brasil Atletismo

Brasil, Argentina e Equador, os primeiros no geral do Sul-Americano sub-18 (Foto: Wagner Carmo/CBAt)

“É muito bom estar de volta ao Brasil, eu estive aqui pela última vez em 2019, com os meus amigos da Federação Sul-Americana de Atletismo em Manaus. Ainda mais em um campeonato importante em que vemos a performance do futuro do nosso esporte. Muito importante ver essa estrutura montada para os jovens para que eles não saiam do esporte”, disse Coe.

“Foi a primeira vez que recebemos o presidente da WA num campeonato em São Paulo e isso foi histórico”, disse Wlamir. “Trazer competições internacionais para o Brasil é importante para que os nossos atletas e treinadores possam participar, o Centro Olímpico mostrou que tem toda a estrutura para sediar um evento como esse e aumenta ainda mais a nossa responsabilidade por fazer uma boa competição”, acrescentou Wlamir.

No Centro Olímpico Coe, fez fotos com atletas e participou da premiação do salto em distância vencido por Vanessa Sena dos Santos, com 6,39 m – recorde brasileiro e do campeonato, além de quarto lugar no Ranking Mundial Sub-18 -, e ao lado da campeã olímpica Maurren Maggi na entrega dos troféus ao Brasil, campeão geral, no masculino e no feminino.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe um comentário

 

Sugestão de Pauta