Geral

BRASIL: Bolsonaro diz que entrará com ação no STF sobre ICMS de combustíveis

Por  | 

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira que apresentará uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o ICMS dos combustíveis, afirmando que governadores estão descumprindo uma emenda constitucional na cobrança do tributo estadual.

NOSSO GRUPO DE WHATS, PARTICIPE!

Segundo o presidente, a Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) tem a intenção de acabar com o aumento do ICMS acompanhando as elevações no preço dos combustíveis, e toma como base a Emenda Constitucional 33, de 2021.

Bolsonaro afirmou, na tradicional transmissão ao vivo pelas redes sociais às quintas-feiras, que os governadores deveriam seguir o que determina a Emenda Constitucional.

Preços do petróleo avançam com expectativa de recuperação econômica
NOVA YORK (Reuters) – Os preços do petróleo avançaram mais de 1 dólar o barril nesta quinta-feira, se recuperando com otimismo do crescimento econômico mundial apesar da pandemia do coronavírus, e após os estoques de petróleo dos EUA recuarem mais que o previsto.

O petróleo Brent fechou em alta de 1,44 dólar, ou 2%, a 73,03 dólares o barril. O petróleo dos EUA (WTI) fechou em alta de 1,40 dólar, ou 2%, a 69,99 dólares o barril.

A forte alta empurrou levemente os contratos futuros do petróleo dos EUA acima da média móvel pela primeira vez em um mês, um sinal de alta para os investidores.

Nos Estados Unidos, os estoques de petróleo recuaram 7,2 milhões de barris na semana passada, disse a Administração de Informação de Energia (AIE) na quarta-feira. [EIA/S]

“Há boas razões para esta alta – temos 1,5 milhão de barris ainda ‘offline’ no Golfo, o número de petróleo de ontem caiu 7,2 milhões de barris e o armazenamento estava em seu nível mais baixo desde setembro de 2019”, disse Robert Yawger, diretor de futuros de energia da Mizuho.

O número de americanos entrando com novos pedidos de auxílio desemprego caiu na última semana, enquanto as dispensas em agosto recuaram para a mínima em mais de 24 anos, sugerindo que o mercado de trabalho estava avançando apesar das novas infecções de Covid-19.

Otimista com a recuperação econômica global, a Organização dos Países Exportadores de Petróleo e produtores aliados, incluindo a Rússia, juntos conhecidos como Opep+, aumentaram sua previsão de demanda para 2022.

 

Informações/Reuters

 

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *