Bombeiros

MUNDO: Enchentes na Alemanha e na Bélgica, inundações e dezenas de mortos

Por  | 

A Europa foi gravemente afetada pelas enchentes que atingiram vários países do continente.

A Alemanha confirmou a morte de 103 pessoas e desaparecimento de outras 1,3 mil, após uma série de temporais. Com as chuvas, rios transbordaram e invadiram as ruas, arrastando casas e deixando um rastro de destruição nos estados de Renânia do Norte-Vestfália e Renânia-Palatinado.

Outros países europeus como a França, Suíça, Bélgica e Holanda também estão sendo atingidos pelas fortes chuvas. A Bélica registrou 18 mortes e 19 pessoas desaparecidas em decorrência das tempestades.

As mais de 1,3 mil pessoas desaparecidas foram registradas somente no distrito de Bad Neuenahr-Ahrweiler, localizado ao sul de Colônia.

Na Bélgica, mais de dez mortes foram registradas. E países vizinhos também sofrem com a devastação das enchentes. Muitas ruas ficaram submersas na cidade belga de Liège.

Algumas das imagens mais dramáticas são da vila alemã de Schuld, no distrito de Ahrweiler, onde foi declarado o estado de emergência.

Membros do exército alemão foram enviados a algumas áreas para ajudar nas operações de resgate devido aos estragos causados pelas fortes chuvas.

As condições climáticas extremas também deixaram centenas de milhares de pessoas na Alemanha sem eletricidade.

Chuvas fortes também foram registradas na Suíça, em Luxemburgo e na Holanda, onde dezenas de pessoas precisaram deixar suas casas.

Após as enchentes em Verviers, vários carros acabaram empilhados. AFP

Bombeiros fazem resgates e tentar reparar os danos causados ​​pelas
 enchentes em Schuld, na Alemanha.  EPA

Em Verviers, na Bélgica, as pessoas não tiveram escolha a não ser
passar pelas ruas inundadas. AFP

Muitas ruas ficaram submersas na cidade belga de Liège. AFP


Homem atravessa rua alagada em Schuld, na Alemanha. EPA

 

Com informações BBC News

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *