Geral

Trabalho voluntário é destaque em Rio do Campo

Por  | 

Quem passa pelos pontos mais centrais de Rio do Campo já pode observar mudanças na jardinagem e na decoração da cidade. É que um grupo de voluntários organizado pela primeira-dama do município reúne diariamente diversas pessoas, homens e mulheres dispostos a participar de ações para decorar a cidade e revitalizar alguns espaços. No momento o grupo está trabalhando na decoração do município para a páscoa.

Silvana Drosdek conta que o grupo com cerca de 15 pessoas surgiu no início do ano, quando convidou professoras para ajudar no recolhimento dos enfeites de natal. Depois outras demandas foram surgindo e o grupo continuou trabalhando. “A princípio eu convidei algumas colegas professoras pra me ajudarem a recolher e guardar os enfeites de Natal e a partir daí vimos a necessidade de fazer a diferença, porque havia espaços abandonados e cheios de entulhos, fomos aos poucos agindo, limpando e embelezando com flores. Agora estamos a todo vapor na confecção da decoração de Páscoa que será incorporada junto aos canteiros de flores e nos locais mais movimentados”, conta.

Ela conta que para organizar os trabalhos existe um grupo de WhatsApp. Homens e mulheres participam de forma bastante liberal. “Fomos adicionando possíveis voluntárias, como donas de casa, aposentadas, e outras pessoas que vieram pedir pra participar e ajudar. Posto todas as tarefas do dia e pergunto quem pode ajudar e as pessoas aparecem. Limpamos, plantamos e embelezamos espaços que dão mais vida, mais harmonia e ajudam muito para que as pessoas possam ver, se animar e fazer também nos seus jardins em casa”, comenta.

A professora aposentada, Zenita Schwarz é uma das voluntárias. Ela diz que o grupo não é apenas uma forma de contribuir com a cidade. É uma forma de fazer novas amizades. “Fui convidada para fazer parte do grupo de voluntários e foi uma satisfação, porque além de poder ajudar a contribuir no embelezamento da cidade, elas contribuíram para a minha vida pessoal porque me ofereceram amizade também”, destaca.

Para outra voluntária, a confeiteira Sulamita Figueiredo, o trabalho desenvolvido pelo grupo é importante, uma forma de manter o município bem cuidado para todos. “Percebi que a nossa cidade necessitava de algo a mais, de pessoas para ajudar. Nos reunimos e começamos um trabalho bem árduo de limpeza, de retirada de entulhos, limpeza nos trevos, nos jardins, na pracinha. Foi um trabalho gratificante porque conhecemos novas pessoas, trocamos ideias e estamos ajudando a transformar a nossa cidade em um lugar mais bonito e acolhedor. Saímos da nossa zona de conforto para ajudar o município e é aqui que estão crescendo meus netos, que cresceram meus filhos. Eu quero que Rio do Campo fique cada vez mais bonita e acolhedora”, completa.

Próximas ações

As flores oferecidas para plantio nos espaços públicos atualmente são fornecidas pela prefeitura de Rio do Campo, já as ferramentas são levadas pelos próprios voluntários. Para poder continuar fazendo esse trabalho, a primeira-dama e organizadora da ação, Silvana, diz que seria necessário investir na compra de flores e plantas perenes e que os recursos para isso devem ser obtidos a partir da coleta de lixo reciclável que está sendo iniciada.

 

Reportagem: Rafaela Correa/ Diário do Alto Vale