Geral

Beneficiários do auxílio emergencial terão que declarar Imposto de Renda

Por  | 

Os beneficiários do auxílio emergencial que receberam mais de R$ 22.847,76 em rendimentos tributáveis em 2020 terão que, obrigatoriamente, declarar o Imposto de Renda em 2021.

Além disso, a Receita Federal vai cobrar a devolução do benefício caso a pessoa tenha recebido rendimentos tributáveis superiores a esse limite de R$ 22.847,76.

Em 2021, as declarações deverão ser feitas entre às 8h da próxima segunda-feira (1º/3) e as 23h59 de 30 de abril.

A medida foi concedida para famílias de baixa renda ao longo do ano passado, em razão da crise causada pela pandemia do novo coronavírus.

Foram depositadas cinco parcelas de R$ 600 e outras quatro de R$ 300 a famílias de baixa renda.

A obrigatoriedade da devolução do benefício nessas situações consta na Lei 13.998, publicada em maio de 2020.

A Receita divulgou as novas regras do imposto de 2021 nesta quarta-feira (24).

 

 

 

TÁCIO LORRAN, DO METRÓPOLES, BRASÍLIA