0:00
0:00
domingo, 27 de novembro de 2022

Não é para compartilhar chimarrão e tereré, alerta o ministro da Saúde

Participe do nosso grupo e receba as principais notícias na palma da sua mão.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatApp.

Nestes tempos de novo coronavírus sem uma vacina para prevenção, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, recomendou não compartilhar chimarrão e tereré, bebidas consumidas de forma compartilhada na mesma bomba metálica. Segundo o ministro, gotículas de saliva que ficam na bomba contaminam outras pessoas caso alguém seja portador do coronavírus.

Ele disse que nesta fase em que não há tratamento, o consumo dessas bebidas deve ser de forma individual. Mandetta repetiu essa orientação,tanto na entrevista coletiva da manhã desta quarta-feira quanto na entrevista para a Globonews à noite.

É uma informação importante porque o chimarrão, embora seja tradição gaúcha, é consumido igualmente em Santa Catarina e também tem apreciadores em todo o Brasil e até no exterior. As pessoas devem seguir também as medidas de higiene das mãos e ao tossir para prevenir a doença.

 

Por Estela Benetti/NSC

 

Sugestão de Pauta